Pratos confecionados congelados ou refrigerados em 23% dos lares

10 janeiro 2020

O estudo TGI da Marktest contabiliza 872 mil lares portugueses que referem ter consumido nos últimos 12 meses pratos confecionados congelados e/ou refrigerados.

O estudo TGI da Marktest quantifica, na primeira vaga de 2019, em 872 mil os responsáveis pelas compras do lar que referem que nos seus lares se consumiu pratos confecionados congelados e/ou refrigerados nos últimos 12 meses, o que representa 22.6% dos lares do Continente.

O consumo destes produtos é mais provável junto dos lares com responsáveis pelas compras mais jovens, até aos 54 anos, na Grande Lisboa ou Litoral Centro e naqueles lares que pertencem às classes sociais mais elevadas.

Os dados do TGI mostram ainda que, entre os pratos confecionados congelados ou refrigerados, a lasanha é a refeição mais consumida, seguida de rissóis/croquetes e de arroz de pato.

Já entre as marcas destes preparados congelados e/ou refrigerados, a mais consumida é a Pingo Doce, seguida da marca Continente.

FONTE: Grupo Marktest

 

 

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Próximos Eventos

Não existem eventos programados!

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.