Spray português para substituir plástico nos alimentos premiado

25 outubro 2019

SpraySafe, baseado em ingredientes naturais, sustentáveis e comestíveis, é um dos três vencedores deste ano do Concurso Europeu de Inovação Social, em Bruxelas

Um spray criado por portugueses para substituir o plástico na conservação dos alimentos e reduzir as embalagens, foi ontem, quinta-feira premiado em Bruxelas, no concurso de Inovação Social da Comissão Europeia, recebendo uma bolsa de 50 mil euros.

Segundo informação do executivo comunitário enviada à agência Lusa, o projeto SpraySafe, promovido pelo Centro de Investigação de Montanha do Instituto Politécnico de Bragança, é um dos três vencedores deste ano do Concurso Europeu de Inovação Social.

O SpraySafe é um spray baseado em ingredientes naturais, sustentáveis e comestíveis que visa ser uma alternativa ao plástico usado para a conservação dos alimentos, como embalagens e outros recipientes, mantendo as características da comida e evitando a oxidação e a contaminação.

Nesta edição dos prémios de Inovação Social, destinada ao combate ao uso do plástico, foram também premiadas iniciativas de empreendedores da República Checa (que criaram um sistema de distribuição e comercialização circular de produtos alimentares e não-alimentares com embalagens reutilizáveis) e de Espanha (uma 'startup' de biotecnologia que transforma resíduos orgânicos em plásticos biodegradáveis através da ação de bactérias).

Os três - que foram premiados entre 543 candidatos e de 10 finalistas - receberão uma bolsa de 50 mil euros da Comissão Europeia para a criação de soluções inovadoras para promoção da reutilização e reciclagem de plástico, incentivando ainda a mudanças de comportamento.

Distinguido este ano foi ainda um programa de aprendizagem criado por austríacos para prestar auxílio a jovens migrantes altamente qualificados na sua integração no mercado de trabalho local, ao qual foi atribuído do Prémio de Impacto.

O Prémio de Impacto é dado a um dos semifinalistas da edição do ano anterior do Concurso Europeu de Inovação como reconhecimento do impacto social positivo gerado pelo projeto desde o último concurso.

FONTE: Diário de Noticias

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.