Comércio online em Portugal deverá atingir 129,5 mil milhões de euros em 2022

02 novembro 2022

Compras online deverão representar 56% do PIB nacional estimado pelo Governo para este ano. Valor global está alinhado com 2021, ano em que o comércio eletrónico gerou em Portugal 121,3 mil milhões de euros.

O comércio eletrónico está a todo o gás, impulsionado por uma alteração profunda dos hábitos dos consumidores. No espaço de uma década, entre 2011 e 2021, o valor global gerado por esta modalidade aumentou cerca de 219%, passando de 38 mil milhões de euros para 121,3 mil milhões, ou seja, 56,5% do PIB nacional. Já em 2022, o montante deverá atingir os 129,5 mil milhões, o que representará uma vez mais 56% da soma de bens e serviços estimada pelo Governo para o ano corrente.

Aqueles dados integram a edição de 2022 do Estudo da Economia e da Sociedade Digital em Portugal, produzido anualmente pela ACEPI - Associação da Economia Digital em parceria com a consultora IDC. As entidades detalham que, do valor previsto para este ano, uma fatia de 121 mil milhões de euros corresponde ao comércio online realizado entre empresas e pelo Estado (business to business - B2B), enquanto outra, de 8 mil milhões, diz respeito às compras efetuadas online pelos portugueses.

Para continuar a ler esta notícia, clique aqui

FONTE: Dinheiro Vivo

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Próximos Eventos

Não existem eventos programados!

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.