Comissão Europeia avança com compras conjuntas na UE para gás mas só em 2023

18 outubro 2022

A Comissão Europeia vai propor, na terça-feira, a criação de instrumentos legais para compras conjuntas de gás pela União Europeia (UE), semelhante ao realizado para vacinas anticovid-19, mas que só deverá avançar na primavera de 2023.

“Hoje, propomos equipar a UE com os instrumentos legais para a compra conjunta de gás” e, para tal, a Plataforma de Energia “deve, antes de mais, coordenar o preenchimento das instalações de armazenamento de gás de acordo com os nossos objetivos”, refere o executivo comunitário num rascunho da comunicação sobre emergência energética, que será divulgada na terça-feira e à qual a agência Lusa teve hoje acesso.

Bruxelas justifica que estas aquisições conjuntas no gás, semelhantes ao que a UE fez para comprar vacinas anticovid-19 num processo conduzido pela Comissão em nome dos Estados-membros, iriam permitir responder à “lacuna de procura não contratada de até 100 mil milhões de metros cúbicos por ano, no caso de uma interrupção total dos fornecimentos russos”, estimada para os próximos invernos até 2025, incluindo o de 2023-2024.

Para continuar a ler esta notícia, clique aqui

FONTE: Sapo

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Próximos Eventos

Não existem eventos programados!

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.