Valor médio das encomendas online aumenta 4,6% no primeiro trimestre de 2022

01 junho 2022

De setor para setor, ao contrário de outros anos nos quais o aumento se verificou mais homogéneo, regista-se agora uma diferença significativa nas várias indústrias. Os setores farmacêutico e eletrónico foram os que mais aumentaram: 7,3% e 6,8%, respetivamente. Moda e calçado menos afetadas.

O valor médio das encomendas online aumentou 4,6% no primeiro trimestre de 2022 em Portugal, em relação à mesma altura no ano passado, segundo um estudo. A Outvio, empresa líder na gestão dos processos pós-checkout de lojas online, atribui este aumento à inflação: tanto o combustível como a energia necessários estão agora mais caros.

“Observamos um aumento do valor médio das encomendas em Portugal, mas o número de artigos por encomenda é aproximadamente o mesmo para cada setor [tendo passado de uma média de 2,1 para 2,3]. Isto sugere um aumento do preço dos artigos ou do transporte no e-Commerce, muito provavelmente causado pelo aumento dos níveis de inflação nos últimos meses. Este cenário era quase inevitável dado o atual clima económico europeu”, informa o comunicado.

De setor para setor, ao contrário de outros anos nos quais o aumento se verificou mais homogéneo, regista-se agora uma diferença significativa nas várias indústrias.

Para continuar a ler esta notícia, clique aqui

FONTE: Jornal Económico

 

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Próximos Eventos

Não existem eventos programados!

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.