Portos continentais recuam 6,8% no movimento de carga

05 novembro 2019

O sistema portuário continental movimentou, de janeiro a agosto, um volume global de 58,7 milhões de toneladas, um recuo de 6,8% face ao período homólogo do ano anterior, segundo dados divulgados pela Autoridade da Mobilidade e dos Transportes.

As causas apontadas pela entidade para esta diminuição são o decréscimo de petróleo bruto no porto de Sines, que se agravou pelo encerramento em agosto da refinaria, e as quebras de 1,5 milhões de toneladas e de 455,4 mil toneladas em Leixões. A diminuição da carga contentorizada em Sines, que diminuiu no período em causa 2,9 milhões de toneladas, e a diminuição da importação de carvão em 700,3 mil toneladas estão também na origem das perdas.

Ao nível do desempenho dos portos portugueses, Leixões e Aveiro alcançaram as melhores marcas de sempre. O porto de Leixões registou movimentos de 13,1 milhões de toneladas, representando um crescimento de 0,9%. Quanto ao porto de Aveiro, a marca chegou aos 3,7 milhões de toneladas, um aumento de 2,1%. Também o porto de Viana do Castelo apresentou um desempenho positivo, com um aumento de 15,3%.

Sines, Lisboa e Figueira da Foz apresentaram comportamentos negativos. O porto de Sines assinalou quebras de 3,9 milhões de toneladas e o de Lisboa de 419,9 mil toneladas. Já o da Figueira da Foz recuou o seu desempenho em 168,1 mil toneladas.

O porto de Sines, apesar das perdas, continua na liderança, com uma quota de 48%, uma redução de 2,8 pontos percentuais face ao período homólogo do ano anterior. Leixões tem uma quota de 22,2%, Lisboa, de 13%, Setúbal, de 7,6%, e Aveiro, de 6,4%.

FONTE: Revista Hipersuper

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.