“Radar dos Mercados Internacionais” da Portugalfoods

30 setembro 2019

Já está disponível em radar.portugalfoods.org a nova plataforma que pretende apoiar as tomadas de decisão das empresas exportadoras do setor agroalimentar português. O “Radar dos mercados internacionais”, da PortugalFoods, foi lançado esta manhã, no Porto, e pretende ser uma fonte em constante atualização onde qualquer empresa e pessoa pode encontrar, de forma gratuita, todas as informações necessárias para a internacionalização.

Os dados presentes na plataforma são tratados pela PortugalFoods, a partir de fornecedoras como Mintel ou Global Data, e dividem-se em 14 categorias de produto e 55 países.

“Identificamos os países com maior potencial para as várias categorias do setor agroalimentar português. Mas o mercado é dinâmico e podem mudar”, explica ao Hipersuper Deolinda Silva, diretora executiva da PortugalFoods.

“O objetivo desta ferramenta é ajudar as empresas que têm mais dificuldade em encontrar conhecimento, porque têm por exemplo menos recursos, para encontrar este tipo de informação dedicada à área internacional. Assim, todas as empresas podem ter aqui uma orientação para delinear as suas estratégias quanto à abordagem internacional”.

Os utilizadores da nova plataforma podem segmentar a pesquisa por países, categorias de produto ou por conjugação de diversos aspetos, no sentido de otimizar o resultado. Encontram também vários links para outras plataformas com informação útil, cumprindo um outro desígnio desta plataforma que passa por validar a informação disponível online gratuitamente.

“Para que mercado vou? Quais as oportunidades? Será que cumpro os requisitos necessários para entrar em um determinado país? Quais as melhores infraestruturas disponíveis para distribuir o meu produto naquele país? Como se observa o consumo de um determinado produto num certo país” são algumas das perguntas das empresas às quais a plataforma pretende ajudar a encontrar resposta, explica durante o evento Pedro Vieira, da Porto Business School, que ficou responsável pelo desenvolvimento do algoritmo que sustem a nova ferramenta.

“O objetivo [da ferramenta] é que identifique e continue a identificar os obstáculos e oportunidades das empresas na internacionalização”, sublinha.

Além dos requisitos ao nível da exportação, a plataforma reúne também dados sobre o consumo e tendências. Para cada um dos 55 países, é apresentada uma análise dos mercados regionais, indicadores demográficos, desenvolvimento de cada setor abrangido na plataforma, tendências de distribuição, de consumo, das exportações portuguesas nos últimos cinco anos, entre outros aspetos. O utilizador pode otimizar a sua pesquisa através dos vários aspetos.

A PortugalFoods está ainda a inserir na plataforma toda a informação disponível. Depois desta primeira fase, o mesmo conhecimento será atualizado “constantemente”, estando também prevista a introdução de dados ligados de forma independente à logística para vender nos países. A PortugalFoods garante que a ferramente será também promovida nos mercados internacionais.

FONTE: Revista Hipersuper

Associadas

Parcerias

Objectivos

‘‘Os objectivos da ANIL centram-se na defesa dos interesses e representação do sector, no acompanhamento das matérias legislativas, normativas, ambientais, económicas e técnicas que contribuam para o desenvolvimento da indústria láctea em Portugal...

Calendário

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Redes Sociais

Top
ATENÇÃO: Este site apenas usa os cookies para lhe facilitar a navegação enquanto utilizador.
Saiba mais sobre cookies OK Decline